Artigos

Aprendizagem de grupo na construção da inteligibilidade da prática de coordenação de uma organização de ensino: um estudo em uma escola Waldorf

Resumo

O objetivo do estudo foi compreender como ocorre a aprendizagem de grupo, tomando-se a prática como unidade de análise e a vida cotidiana como o espaço para sua observação e compreensão. Para tal focalizou como o fenômeno ocorre entre os professores que estão envolvidos coletivamente na prática de coordenação de uma escola em Curitiba/Brasil, que é gerida de acordo com as ideias da Antroposofia e da pedagogia Waldorf. O ponto de partida teórico é o campo da aprendizagem organizacional, numa versão particularmente inspirada pela teoria da prática de base fenomenológica de Theodore Schatzki, Leia Mais

Uma Ação Ampliada da Saúde Através da Contação de Histórias

O objetivo deste estudo é descrever o referencial teórico-metodológico da prática de humanização e promoção à saúde por meio de um programa de rodas de contação de histórias e apresentar uma síntese dos resultados das fichas de avaliação.

O programa é desenvolvido pela Casa do Contador de Histórias (CCH), uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público criada em 2003, em Curitiba. O cenário desta prática são nove instituições parceiras sociais, que desenvolvem ações de saúde, algumas vinculadas ao Sistema Único de Saúde e privilegia as práticas alternativas e complementares.

Leia Mais

150 anos de nascimento de Rudolf Steiner

No ano de 1861, em 27 de fevereiro, nascia na pequena cidade austríaca de Kraljevc, RUDOLF STEINER, o criador da Antroposofia. Sua infância foi marcada por grande curiosidade científica e por uma extraordinária capacidade de ver e perceber o universo não visível, espiritual. O surgimento de sua obra impactou de forma renovada, provocando espanto e polêmica num mundo de pleno florescimento materialista. Leia Mais

Vida e obra de Karl Schubert

(Traduzido do espanhol por Mônika Lustosa e Andrea Gálvez)

Karl Schubert, é 25.11.1889 Viena, ? 3.2.1949 Stuttgart

Mediante a força da palavra
erguer-se no físico,
curar no etérico,
perdoar no astral,
e consolar no EU.
Karl Schubert

Na série Pioneiros da Antroposofia editou-se o artigo Karl Schubert, imagens e apontamentos, escrito por Hans-Jürgen Hanke. Esta meritória obra de Hans-Jürgen Hanke deu-me um bom estímulo e formou a base para apresentar Karl Schubert na Reunião Anual da Sociedade Antroposófica em Stuttgart, em 16.3.2005. Todos aqueles, ocupados com a educação e com a pedagogia curativa podem obter os apontamentos de Karl Schubert e, mediante a dedicação a esta biografia sobre saliente, poderão encontrar, para seu próprio trabalho, impulsos valiosos e fecundos. Por esta razão, esta apresentação é oferecida aqui de maneira escrita, acompanhada pelo desejo de que o livro de Hans-Jürgen Hanke Pioneiros da Antroposofia encontre uma ampla propagação.

Leia Mais

O Poder Transformador das Histórias

Desde o início dos tempos, o conhecimento era transmitido de forma oral pelos homens primitivos, em volta do fogo. Era o momento em que a experiência era partilhada e a identidade daquele povo reafirmada. A humanidade depositou nas histórias suas experiências e questionamentos. Através delas, cria-se o elo entre o passado e o futuro, preservando a memória e transmitindo as descobertas de uma geração para a seguinte.

Leia Mais

Protagonismo Juvenil

A Associação Miríade é um espaço transcultural que visa o desenvolvimento do Ser Humano e de suas relações e atuações no âmbito social e ambiental. Cultiva a saúde de um Ser Humano que se quer livre e responsavelmente comprometido com o seu destino quanto aos seus aspectos biológicos, políticos, sociais, éticos, existenciais, espirituais e ecológicos.

Leia Mais

A Arte e a Biografia da Alma Humana

Ao olharmos para trás, para a evolução da humanidade de uma forma teórico-histórica, estaremos fazendo uma observação superficial da realidade. Se conseguirmos olhar de uma forma a sentir historicamente antigas épocas da civilização humana, iremos perceber que o surgimento desta está ligado ao sentir religioso, o observar artístico e o conhecer conceitual e ideal que até a Grécia encontravam-se unidos, numa união harmoniosa entre a Religião, Arte e Ciência. O homem sentia-se como uma cópia, como a imagem do espírito divino que permeia e interpenetra o mundo e até então o conhecimento era procurado no conhecimento de Deus, na origem espiritual primordial atuante no homem.

Leia Mais

O Despertar para o Canto na Idade Adulta

Muitas pessoas que me procuram para aulas de canto relatam um profundo desejo de cantar e revelam também frustrações com relação a experiências ligadas ao canto que ocorreram em algum momento de suas vidas. O motivo das frustrações, em grande parte dos casos, está relacionado com críticas negativas recebidas na infância, adolescência ou juventude. A reação dessas pessoas é muito semelhante. Simplesmente elas se calam e não cantam mais, temendo novas críticas ou julgamentos.

Leia Mais